Definição

O servidor Rasea é parametrizado através do arquivo rasea-server.properties, que deve estar disponível no classpath do servidor de aplicação. No JBoss AS, este arquivo deve estar na pasta <JBOSS_HOME>/server/default/conf/. O arquivo consiste em diversas entradas atributo=valor separadas por quebra de linha entre si.

Parâmetros

application

Configurações da aplicação Rasea.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
application.descriptionDescrição que o Rasea receberá na listagem de sistemas cadastrados.Rasea

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

application.description=Sistema de Controle de Acesso

admin

Configurações administrativas do servidor.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
admin.password *Senha do usuário administrador.rasea
admin.email *E-mail do usuário administrador.no-reply@rasea.org

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

admin.password=secret
admin.email=my@domain.com

mail

Configurações de e-mail utilizadas pelo servidor para enviar mensagens para os usuários, tal como o envio de senhas geradas automaticamente pelo sistema em caso de esquecimento.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
mail.host *Nome ou IP do host SMTP para envio de mensagens.-
mail.tlsIndica se a conexão é segura ou não: 
- true: conexão segura; 
- false: conexão não segura.
false
mail.portPorta SMTP para envio de mensagens.-
mail.usernameNome do usuário para autenticação no servidor SMTP.-
mail.passwordSenha do usuário para autenticação no servidor SMTP.-

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

mail.host=smtp.gmail.com
mail.port=465
mail.tls=true
mail.username=hello@gmail.com
mail.password=123456

database

Configurações do banco de dados que mantém as informações à respeito do controle de acesso. A estrutura da base de dados pode ser criada automaticamente mediante a configuração do parâmetro database.ddl.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
database.driverClass *Nome da classe JDBC utilizada na conexão com o banco de dados.org.hsqldb.jdbcDriver
database.url *URL do banco de dados JDBC.jdbc:hsqldb:rasea-database
database.datasourceNome JNDI da datasource a ser usada para conexão com o banco de dados. Esse campo tem prioridade sobre os campos driverClass, url, username e password.-
database.ddlSincroniza o modelo esperado pelo Rasea com o banco de dados. Para tanto, é preciso que o usuário possua permissão para acessar os meta-dados do banco de dados. Caso este parâmetro não seja definido, nenhuma verificação será feita. 
- validate: Verifica se o modelo no banco de dados está coerente com o esperado pelo Rasea; 
- update: Atualiza a estrutura do banco de dados, caso o modelo atual não esteja coerente com o esperado pelo Rasea.
update
database.username *Usuário utilizado na conexão com o banco de dados.sa
database.password *Senha utilizada na conexão com o banco de dados.-

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

database.driverClass=org.hsqldb.jdbcDriver
database.url=jdbc:hsqldb:.
database.username=sa
database.password=
database.ddl=update

store

Configuração da base de usuários acessada pelo servidor Rasea.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
store.typeSeleção da base única de usuários: 
- default: conexão com a base embutida; 
- ldap: conexão LDAP; 
- custom: base de usuários customizada.
default
store.readonlyIndica se a base de usuários é apenas para leitura: 
- true: apenas leitura; 
- false: leitura e escrita.
false

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

store.type=default
store.readonly=false

ldap

Configurações da base de dados LDAP.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
ldap.server.protocolProtocolo utilizado na conexão com o servidor LDAP: 
- ldap: conexão sem segurança; 
- ldaps: conexão segura.
ldap
ldap.server.host *Nome ou IP do host do servidor LDAP.-
ldap.server.portPorta do servidor LDAP.-
ldap.bind.dn *Nome distinto do usuário do LDAP com privilégios de leitura e escrita.-
ldap.bind.password *Senha do usuário especificado no atributo ldap.bind.dn.-
ldap.user.search-context-dn *Base de pesquisa dos usuários na estrutura do LDAP.-
ldap.user.search-filterFiltro utilizado como cláusula restritiva para identificação de usuários na base LDAP em conjunto com o atributo ldap.user.object-classes-
ldap.user.insert-pattern-dn *Padrão a ser utilizado como nome distinto na inserção de novos usuários na base ldap.-
ldap.user.name-attributeNome do atributo que identifica o nome (login) do usuário.sAMAccountName
ldap.user.displayName-attributeNome do atributo que identifica o nome de exibição do usuário.givenName
ldap.user.mail-attribute *Nome do atributo que identifica o e-mail principal do usuário. As notificações para o usuário utilizarão este e-mail, tal como entrega da senha gerada automaticamente.-
ldap.user.alternateMail-attributeNome do atributo que identifica o e-mail alternativo do usuário. Possui a mesma função do atributo ldap.user.mail-attribute, atuando como contingência.-
ldap.user.password-attributeNome do atributo que identifica a senha do usuário.userPassword
ldap.user.enabled-attributeNome do atributo que identifica se o usuário está ativo ou não.userAccountControl
ldap.user.enabled-valueValor do atributo ldap.user.enabled-attribute para determinar que o usuário está ativo.544
ldap.user.disabled-valueValor do atributo ldap.user.enabled-attribute para determinar que o usuário está inativo.546
ldap.user.objectClass-attributeNome do atributo que identifica a categoria do usuário.objectClass
ldap.user.object-classesValor do atributo ldap.user.objectClass-attribute que determina as categorias de um usuário no LDAP.top,person,organizationalPerson,user
ldap.user.additional-valued-attributesCombinação atributo=valor utilizada na inserção de novos usuários na base LDAP.-
ldap.user.password-charsetPadrão encoding para armazenamento da senha do usuário, e.g., UTF-8, UTF-16, UTF-32, etc.-

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

store.type=ldap
store.readonly=false

ldap.server.protocol=ldaps
ldap.server.host=ldap.domain.com
ldap.bind.dn=cn=admin,cn=Users,dc=domain,dc=com
ldap.bind.password=surprise
ldap.user.search-context-dn=ou=Accounts,dc=domain,dc=com
ldap.user.insert-pattern-dn=cn={username},ou=Accounts,dc=domain,dc=com
ldap.user.name-attribute=sAMAccountName
ldap.user.displayName-attribute=sn,givenName
ldap.user.mail-attribute=userPrincipalName,mail
ldap.user.alternateMail-attribute=personalMail
ldap.user.password-attribute=unicodePwd
ldap.user.objectClass-attribute=objectClass
ldap.user.enabled-attribute=userAccountControl
ldap.user.enabled-value=544
ldap.user.disabled-value=546
ldap.user.object-classes=top,person,organizationalPerson,user
ldap.user.additional-valued-attributes=scriptPath=logon.vbs
ldap.user.password-charset=UTF-16LE

custom

Configurações da base de dados personalizada.

ParâmetroDescriçãoValor padrão
custom.class *Indica a classe customizada que implementa a interface UserManager
A classe deve estar disponível no classpath do Servidor de Aplicação.
-

* parâmetro obrigatório.

Exemplo:

store.type=custom
store.readonly=false

custom.class=com.domain.MyCustomUserDAO

Exemplos

Escrever